HÁ 50 ANOS: Exército dos EUA intervém em conflito racial que já provocou 24 mortes

Por Banco de Dados

Dois mil paraquedistas do Exército dos EUA tomaram na madrugada desta terça (25) parte da cidade de Detroit, onde conflitos raciais mataram 24 pessoas nas últimas duas noites.

Os distúrbios tiveram início após uma intervenção policial na rua 12, de maioria negra. Até o momento são cerca de 1.200 feridos e 2.100 detidos. Calcula-se prejuízos na casa dos US$ 200 milhões.

O líder integracionista Martin Luther King telegrafou ao presidente Lyndon Johnson afirmando que a violência se equipara ao absurdo do Congresso ainda não ter votado a lei que faculta aos negros mais facilidades de emprego.