1948: Monteiro Lobato morre aos 66 anos, após se dizer curioso em conhecer fim da vida; leia entrevista

Monteiro Lobato posa para foto, em Buenos Aires (Argentina) – Arquivo Pessoal

Vítima de um derrame cerebral, o escritor José Bento Monteiro Lobato, um dos mais populares do Brasil, morreu aos 66 anos, na madrugada de 4 de julho de 1948, em São Paulo. Cerca de um ano antes de isso ocorrer, ele havia declarado, em entrevista exclusiva para a Folha da Noite (um dos jornais que […]

Leia Mais

1988: Morre Aracy de Almeida, jurada de TV e maior intérprete de Noel Rosa

A jurada e cantora Aracy de Almeida posa para foto em 1985, três anos antes de sua morte (Manoel Pires – 27.jun.1985/Folhapress)

“Mas que putaria, eu não posso estar aqui”, afirmou Aracy de Almeida à sua afilhada Maria Adelaide Bragança minutos antes de uma embolia pulmonar  tirá-la de cena aos 73 anos, na tarde de 20 de junho de 1988, no Hospital dos Servidores do Estado (centro do Rio), onde estava internada havia 13 dias por causa de […]

Leia Mais

Alberto Dines escreveu mais de 1.000 textos para a Folha em 3 décadas; leia 5

O jornalista Alberto Dines (Reprodução)

O jornalista Alberto Dines, morto nesta terça-feira (22), aos 86 anos, em razão de problemas respiratórios, escreveu mais de mil textos para a Folha nas décadas de 70, 80 e 90. O Blog do Acervo Folha traz aqui uma seleção de cinco textos de Alberto Dines durante essa trajetória no jornal. 1 – A primeira vez […]

Leia Mais

1968 – A OITAVA BOMBA: Explosão destrói banheiro de Centro de Alistamento da Força Pública

Policiais foram desafiados por mais uma bomba misteriosa (Reprodução)

Fim de noite de um sábado, 18 de maio de 1968, e mais uma bomba (a oitava em dois meses) foi detonada em São Paulo. Desta vez, ela foi jogada no Centro de Alistamento da Força Pública. O artefato explodiu às 23h no banheiro do prédio, localizado na rua Jorge Miranda, número 74, na Luz, […]

Leia Mais

1968 – A SÉTIMA BOMBA: Explosão na Bolsa de Valores de São Paulo arrebenta 59 vidraças

Janelas da Bolsa de Valores de SP com vidros quebrados (Reprodução/Folhapress)

Um dos símbolos do capital financeiro, a Bolsa de Valores de São Paulo foi atingida por uma bomba às 22h de 15 de maio de 1968. Tratava-se da sétima explosão na cidade, em um período de dois meses, em um conturbado ano. A ação arrebentou 59 vidraças, mas não houve vítima. A entidade funcionava, à […]

Leia Mais

OUTROS 13 DE MAIO: Dona Maria, 107 anos, se lembrava do 13 de Maio de 1888

Maria Ellis da Silva não esquece do dia da abolição (Folhapress)

Quando do centenário da Abolição da Escravatura, a Folha publicou uma série de reportagens. No dia 9 de maio de 1988, Dona Maria foi personagem. O Banco de Dados resgata no Blog Acervo Folha em uma série referente aos 130 anos da abolição, completados neste domingo (13). Confira abaixo a íntegra do texto.   9.mai.1988 MARIA, 107, AINDA SE LEMBRA DO 13 DE MAIO […]

Leia Mais

OUTROS 13 DE MAIO: Milton Santos cobrou reação ao apartheid à brasileira

O geógrafo Milton Santos fala durante palestra no auditório da Folha (Juca Varella – 15.mai.2000/Folhapress)

Ao analisar a situação dos negros no país, o geógrafo Milton Santos defendeu em artigo, publicado em 7 de maio de 2000, que era preciso reagir urgentemente a uma forma de apartheid à brasileira. Segundo Milton, não era possível esconder a existência de diferenças sociais, econômicas estruturais e seculares. Afirmou que o negro no Brasil […]

Leia Mais

OUTROS 13 DE MAIO: Raquel Rolnik explica a formação de territórios negros em São Paulo

A arquiteta e urbanista Raquel Rolnik, em prédio da USP (Foto: Danilo Verpa – 23.nov.2015/Folhapres)

A trajetória histórica da comunidade negra pelas regiões de São Paulo foi descrita pela arquiteta e urbanista Raquel Rolnik em artigo, publicado no suplemento Folhetim, da Folha, em 28 de setembro de 1986. Ela informou que, em 1854, São Paulo tinha 30 mil habitantes, e um terço da população era escrava. Relatou como e onde […]

Leia Mais

OUTROS 13 DE MAIO: Ricupero destacou relação entre escravidão e terra

Em artigo, de 8 de junho de 1996, o embaixador Rubens Ricupero lembrou de um discurso do abolicionista Joaquim Nabuco (1849-1910), que, segundo o diplomata, foi deliberadamente esquecido. A fala de Nabuco era a de que não bastava dar apenas liberdade aos escravos, mas que era necessário destinar terras a eles e também meios para que […]

Leia Mais

OUTROS 13 DE MAIO: Darcy Ribeiro escreveu que escravidão era sustentáculo do império: “Morra a princesa”

Quando foram completados cem anos da abolição da escravidão no Brasil,  o antropólogo e educador Darcy Ribeiro escreveu, em um texto na Folha, que não havia motivos para exaltar a princesa Isabel. Foi a filha do imperador Dom Pedro 2º quem oficializou o fim da escravidão no Brasil, mas isso não ocorreu devido a um gesto […]

Leia Mais